Como Tocar Violão para Iniciantes/Conheça agora

Aprenda como tocar violão para iniciantes.

Aos que pretendem iniciar seus estudos de violão é comum que procure por como tocar violão para iniciantes,o iniciante ao buscar as primeiras notas e acordes, já tenha várias ideias sobre música, sobre o tocar violão, muitas delas turvas ou desorganizadas a respeito do aprendizado e prática do instrumento.

Nesse texto irei expor algumas das ideias “turvas” que ouço costumeiramente e as tentarei responder de maneira breve e objetiva.

 

 

  • 1º Ter ou não ter um professor de violão?

R: O professor é aquele que já conhece “o caminho das pedras”. Ele organizará teu estudo para que você obtenha qualidade técnico/musical e repertório, progressivamente.

Eu mesmo iniciei sozinho, porém, em dois meses de estudo percebi que já estava andando em círculos, sem progressos e sem objetivos. Logo que passei a ter aulas pude vislumbrar possibilidades, de participar de festivais e tocar em grupos e orquestras. Sozinho dificilmente sairia do meu quarto e do ranger doloroso das cordas.

  • 2º Não tenho dom, não levo jeito pra coisa…

R: Toda a habilidade, competência, é adquirida e desenvolvida com a prática. A questão de “dom” está fortemente inserida em nosso senso comum, como se houvessem realmente pessoas que pegam um instrumento pela primeira vez e logo saem tocando profissionalmente.

Alguns artistas, infelizmente, ajudam a perpetuar essa ideia equivocada, e outras pessoas ignoram a quantidade de horas diárias que os músicos investiram durante anos para tocar bem.

Todas as pessoas, em qualquer idade, podem se desenvolver musicalmente, como tocar violão para iniciantes basta iniciar “do início”, com os procedimentos adequados e a música vai acontecer, você vai ver.

  • 3º Não sei nada de música. Sabe sim.

Todos aprendemos música desde a infância. Desde as canções de ninar ou canções de jogos já somos envolvidos por diferentes canções e ritmos.

Na adolescência e vida adulta não é diferente, selecionamos todo um repertório de artistas favoritos em “playlists”, vamos a shows e conversamos sobre música.

Ou seja, tudo isso já é demonstração de algum entendimento musical. Agora, com o aprendizado mais formalizado de música, iniciando o aprendizado de um instrumento musical e possivelmente outros conceitos formais, leitura de partitura e da forma musical, você ira se aprofundar.

 

Portanto, todo aquele repertório construído desde a infância ira dialogar com esse novo entendimento formal e ambos serão complementares um ao outro, resultando num entendimento mais completo.

  • 4º “meu tio falou que…”

R: Todo mundo tem ao menos um tio ou conhecido palpiteiro, que tenta nos convencer da maneira certa de se aprender música, ou ,o que é bom e ruim em música.

Eu tenho um tio assim, sanfoneiro amador que aprendeu alguns solos e não sabe acompanhar ou mesmo transpor o que toca.

Mas isso já era o suficiente para tentar desqualificar o que eu estava estudando com meu professor e sempre ficar me enchendo para tocar algum gênero em especial ou largar dos cursos que fazia. Portanto, não siga os palpites de não profissionais.

  • 5º Vou começar no violão para depois ir para a guitarra.

R: O violão e a guitarra são instrumentos bastante diferentes, tanto na construção quanto na forma de tocar. Se você quer mesmo tocar guitarra, toque guitarra.
De certa forma, esclarecimentos como esse nem precisariam ser feitos se todos procurassem ou tivessem acesso a um bom professor, pois essas questões e muitas outras seriam respondidas por eles.saber-mais

Porém, já ouvi algumas dessas ideias equivocas sobre as quais escrevi sendo ditas por “professores”.

Portanto, critério também na hora de escolher seu professor. Procure por nomes e não escolas, aqueles que tenham formação, atuação artística e pedagógica reconhecida.

Peça recomendações de músicos profissionais que tenham o perfil daquilo que você quer aprender, raramente o músico de MPB vai recomendar um músico de orquestra e vice-versa.

LEIA MAIS: Quer Aprender a Tocar Violão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *